Restrospectiva 2014

2014 sem dúvidas foi um ano muito especial, se não o MAIS especial em termos de viagem e de descobrimento sobre como eu gosto de viajar e o que não quero deixar de fazer para o resto de minha vida.

No início do ano estava morando em Paris, França. Morei durante 6 meses em Paris, a cidade mais linda do mundo, na minha humilde opinião 😛 Obvio que apesar de linda, Paris não é uma cidade super fácil de se viver como muitos podem imaginar, mas eu amei este tempo que passei lá e se esta vida ainda me permitir voltaria a morar lá fácil. Sei que também devo escrever um post sobre algumas dicas de lá, aguarde…

Passei o Ano Novo em Paris (o que não é lá grandes coisa, em termos de festas e fogos de artificio, mas anyway é Paris) e no dia seguinte estava indo com minhas irmãs para Londres, Inglaterra. Já era minha segunda vez em Londres e eu gosto muito de lá. Como minhas irmãs só tinham 15 dias para me visitar, recomendei concentrarmos em Paris e Londres pois são cidades que precisa-se no mínimo de 4 a 5 dias para conhecer bem e foi isso que fizemos. Amo Londres e super indico!

London <3

London ❤

De volta a Paris, fiquei “quietinha” por um tempo, até o dia 27 de Fevereiro quando embarquei para Bangkok, Tailândia. Foi por lá que dei entrada no continente Asiático pela primeira vez e o choque cultural foi inevitável. Cheguei a pensar que 8 meses seria muita coisa e que não conseguiria me adaptar a este novo mundo (que parece mais um outro planeta!). Três dias depois voei para Vientiane, Laos que era meu destino oficial e a razão pela qual estava indo à Asia. Fiquei no Laos durante 10 semanas fazendo um estágio, como parte do meu mestrado e o plano inicial era ficar 6 meses por lá, porém devido a inúmeras razões decidi que meu tempo ali chegara ao fim e que o que eu deveria fazer era colocar um mochila nas costas e ir explorar o Sudeste Asiático, pois provavelmente este era o único momento da minha vida na qual eu tinha tempo e recursos suficientes.

Então, sem nenhum roteiro pré-estabelecido, segui viagem rumo ao desconhecido. Meu único plano era que deveria estar de volta à Bangkok, de onde saia meu vôo de volta à Paris, no dia 27 de Outubro de 2014.

Segui via terrestre de volta para Bangkok, só para deixar minha mala principal armazenada em um storage, só assim pude viajar bem leve com minha mochila de 11 Kg e também tinha que renovar meu passaporte na Embaixada Brasileira. Agora sim, tudo certo, let’s go.

Não vou conseguir lembrar passo a passo e cada cidade na qual passei mas foi mais ou menos isso: Da Tailândia, segui para Camboja (2 semanas), e fiz o Vietnã em 1 mês, que é o tempo que o visto permite (fiz o roteiro de sul até o norte), tudo via terrestre. De Hanoi voei para Manila, Filipinas, onde passei 2 semanas explorando o país. Segui para Hong Kong por 4 dias e fiz um bate e volta para Macau, aqui pude experimentar um pouco do que a China pode oferecer e amei conhecer estes dois lugares. Demorei para decidir onde eu deveria ir em seguida, porém peguei um avião rumo a Kuala Lumpur, Malásia. Passei 18 dias conhecendo a região peninsular que é belíssima, e infelizmente tive que deixar para uma próxima Borneo. Inclui neste roteiro é claro, a incrível cidade-estado Cingapura. De volta a KL, voei para Yogyakarta, meu portão de entrada para a Indonésia país incrível por onde passei quase um mês. Tive que retornar a KL para desta vez voar para um destino mais “exótico” e fora do Sudeste Asiático, Sri Lanka! Duas semanas depois, num voo passando novamente por KL (repararam que aqui é hub da região, certo?) segui para meu último destino do SE Asiático e um dos mais incríveis, Myanmar. Duas semanas depois, voltei a Bangkok onde passei mais 3 dias e retornei para o velho continente.

Screen Shot 2014-12-12 at 12.01.40

Para “completar” todos os países do Sudeste Asiático, ficou faltando Brunei e Timor-Leste. Obvio que no auge do meu espírito aventureiro concederei ir em ambos, porém tempo e dinheiro tiveram que falar mais alto e ambos são locais de difícil acesso, infelizmente.

De volta a Paris, pude passar mais 9 dias, desfrutando do que a cidade há de melhor e segui para 4 dias em Padova, Itália. Lá é outra cidade onde morei durante 6 meses e sem dúvidas a Itália é um dos países mais belos que conheço, paisagens, pessoas, e a comida, mama mia! a comida é um comentário a parte hahha 🙂

Gelato <3

Gelato ❤

Voltei a Paris para pegar meu vôo desta vez rumo ao meu amado Brasil. Após 14 meses longe era hora de voltar e apesar de estar triste primeiro por ter deixado a Ásia e segundo por estar voltando sem ter muitas expectativas de quando eu irei viajar novamente, também estava feliz em rever minha família, as pessoas que mais amo neste mundo.

Vim direto ao Mato Grosso do Sul, onde minha família mora e até o momento vivo meio nômade, após 3 semanas em Campo Grande, estou há quase 2 em Corumbá na região do Pantanal, onde também tenho família.

Tem sido ótimo reconectar-me com minhas origens, e aqui é uma região belíssima. Já sinto meu pé coçar em busca de um novo destino, porém anseio por um tempo para ter um local e chamá-lo de “casa”. Viajar é sum duvidas o que mais amo fazer na vida e é para isso que vou trabalhar e destinar meu salário. Me “free spirit” é algo que jamais quero perder e tudo que aprendi nestes últimos 2 anos morando é algo imensurável.

Completei 2014 com 45 carimbos no passaporte (ao longo de minha vida) e ainda faltam tantos outros. Mas sou extremamente grata por ter conhecido já tantos lugares e sei o quão única esta oportunidade é.

Screen Shot 2014-12-12 at 11.52.46

Que 2015 eu e você também viaje muito 🙂 talvez não tanto quanto 2014, mas que os ventos me levem a lugares que ainda não estive mas também não acharia ruim rever alguns dos lugares pelos quais já passei.

Cheers,

F. ❤

Ps. Todos os posts sobre os lugares que passei na Ásia é possível encontrar aqui no Blog.

Advertisements