Vang Vieng

Este final de semana fiz uma viagem bate e volta para Vang Vieng, uma cidade bem turística do país, que fica a a 160km da capital, Vientiane. A cidade é super conhecida entre os mochileiros que viajam pelo Sudeste Asiático, e era considerada a “Meca” dos mochileiros até 2012. Isso tudo por conta do famoso “tubing” que nada mais é do que descer o Rio Nam Xong em uma bóia de plástico, porém ao longo do caminho existem bares onde as pessoas param, bebem muito e usam otras cositas más (a região é conhecida pelo ópio) e essa combinação não deve dar muito certo, correto? Certo. Depois que estava morrendo 1 a 3 turistas (em geral Australianos e Ingleses) por mês, o governo decidiu fechar os bares (em 2012). Então com isso diminuiu o número de mochileiros doidos pela cidade, porém o tubing ainda continua, mas agora com menos bares e mais controle em relação a disponibilidade de drogas.

Então o que é que eu vim fazer nesta cidade? ahhaha pois é, apesar de tudo a paisagem da região é incrível e eu queria conhecer. Então peguei uma minivan sábado de manhã saindo de a estação Norte de Vientiane (custou 50.000 Kip – R$ 15,00 e durou 3 horas) e quando era meio-dia já esta na cidade. Fui rapidamente arranjar um quarto para passar a noite e tinha visto na internet uma guesthouse (tipo pousada) chamada Bee Bee e foi lá mesmo que fiquei. Achei muito boa e uma das acomodações mais baratas até agora. Paguei 50.000 Kip para um quarto individual, com banheiro privado, tv, wi-fi e ventilador (se eu quisesse Ar-condicionada era o dobro 😛

Saindo de lá peguei um lanche rapido e um shake de frutas ❤ e peguei um tuktuk para ir à Blue Lagoon. Não custou muito barato, mas como o local é longe e eu estava sozinha, teve que ser isso mesmo. Custou 100.000 Kip (R$ 30,00) para me levar, esperar e me trazer de volta. Lá no local, além de uma lagoa linda tem também uma caverna para explorar. É um local super gostoso para passar o dia, e além de alguns turistas tinham também vários locais.

Aproveitei para curtir a água gelada da lagoa, já que estava uns 40o! Depois de um tempo resolvi explorar a caverna. Tinha uma subida tensa para chegar até a entrada na caverna e só isso já foi uma boa aventura! Detalhe que eu estava de havaianas, um calçado nada apropriado para essa atividade 🙂

Image

Lagoa Azul – era possível pular lá de cima da árvore, ou ainda tinha uma corda tipo Tarzan.

Image

Família curtindo a lagoa

Continue reading

Advertisements